Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2012

Conhecer - Reconhecer

Imagem
Existem campos em mim obscuros e que eu não suportaria conhecer.
Há em mim cantos que escolho não conhecer por não saber como reconhecê-los.
Fugir de mim é uma reação... uma proteção. Reconheço mas não me conheço.
O abismo que sou não é construído somente de pensáveis.  Tenho em mim muito de emoções, neutralidades e contradições...
Não precisa me conhecer para poder amar-me. É melhor continuar amando a ideias que construiu de mim... Continue a amar o amor que idealizou já que talvez quem realmente sou seja contradição deste ai...
Conhecer-me é um perigo. Reconheça-me, basta. 

Sentindo algumas palavras

Imagem
Eu lhe vejo e tudo anuncia as emoções. Queda-me em teu olhar minha paixão... Dou-te o meu sorriso e nele o apreso de quem o tempo ensinou o sentimento de “querer bem”
Sentimento? São esses aspectos sempre poéticos mesmo quando não há palavra, nem ritmo e melodia... 
Queria mais de você...
Queria ser mais para você...
Desejo ser melhor pra ti... Dedicar-me além dos limites que existem invisivelmente... Espera de mim o mero contentamento?
Ser transparente nas emoções já me parece tão infantil.
Não quero mais romantismo... Quero? Nem sei o que é quer...